21 novembro 2007

Soalho flutuante

Quando fomos escolher o chão para o primeiro andar, ela queria tijoleira , e eu soalho flutuante, ela tijoleira e eu soalho flutuante, como um gajo também tem de se impor ( quando ela não esta por perto claro ) eu disse que o soalho era muito mais importante, ela fica a olhar para mim com aqueles olhos de admiração ( que basicamente é como todas as mulheres olham para mim ) e pergunta , mas o que é que tu percebes de soalhos flutuantes????? Oh minha amiga eu tenho um curso de soalhos tirado na universidade independente, como o do Engenheiro, não tenho é o certificado, porque eles ficaram de mo mandar por fax. Mas como tu és uma leiga em termos de soalhos , eu passo a explicar, o soalho flutuante é importante porque se houver uma inundação e como o soalho é flutuante os moveis flutuam e não se estragam.
Sinto outra vez os olhos de admiração ( ou então eram os olhos de és estúpido que nem uma porta , já não me lembro ), e pergunta-me ela , ai é então diz-me uma coisa então e se a inundação for tão grande que os moveis cheguem ao tecto, ficam esmagados não?
Nessa altura senti uns olhos de gozo, mas respondi-lhe, já pensei nisso.
Ai já disse ela , respondo eu claro pensas que andamos a tirar cursos para quê.
Vamos por um tecto falso.

2 comentários:

MC disse...

:D
Lol
Estiveste muito bem!
;)
Marta Cristina
http://pitukicesdamama.blogspot.com
http://pitukinhoepitukices.blogspot.com

Susana disse...

Luís tenho a dizer-te que para homem safaste-te bem com a explicação, não se podia esperar melhor. :)
No fundo eu concordo contigo, há mil e uma razões para escolher soalho em vez de tijoleira e tu resolveste ir pelo... pelo lado da fantasia digamos assim... Pronto, és homem e o teu poder de argumentação tem as suas limitações como em toda a espécie masculina. Mesmo assim os meus parabéns, nada mal!

Beijos